179

países sem visto

1-2+

gerações removidas

12-24

meses de tempo de processamento

A cidadania portuguesa por descendência exige apenas que o requerente seja filho ou neto de um cidadão português. No entanto, existem também oportunidades para os descendentes de judeus portugueses expulsos durante a Inquisição portuguesa, bem como para indivíduos das antigas colónias portuguesas.

Com solicitações processadas em apenas 24 meses, você pode começar a aproveitar os benefícios de viagens sem visto para 179 países, bem como o acesso a serviços de saúde, educação e veículos de investimento acessíveis, abertos apenas a cidadãos europeus.

Benefícios da cidadania portuguesa por descendência

Uma vez aprovada a sua cidadania, terá acesso sem visto a 189 países e poderá viver, trabalhar e estudar em qualquer parte da UE ou dos países da Associação Europeia de Comércio Livre (EFTA).

A cidadania portuguesa por descendência, uma vez adquirida, pode ser transmitida aos filhos e cônjuges.

Sendo uma nação costeira com uma história rica, os cidadãos portugueses desfrutam de um ambiente descontraído, de uma cultura vibrante e de baixas taxas de criminalidade.

Quem pode obter a cidadania portuguesa por descendência

  • Mais de 18 anos de idade
  • Filho ou neto de cidadão português
  • Ou de ascendência judaica sefardita portuguesa
  • Ou um cidadão de uma antiga colónia portuguesa
  • Não pode ser condenado por um crime que implique uma pena de prisão igual ou superior a três anos
  • Não pode representar um perigo ou uma ameaça para a segurança ou defesa nacional portuguesa

  • Qualificar-se como descendente

  • Elegível por descendência

Requisitos do Programa

Não tem de fazer donativos, investir ou pagar a devida diligência. Também não é necessário fazer um teste de cidadania portuguesa. Basta uma prova, através de documentos civis, para fundamentar o seu pedido. Estas são as condições de elegibilidade:

REQUISITO #1

É necessário ter um pai ou um avô português. Além disso, é necessário demonstrar laços com a comunidade portuguesa, nomeadamente um conhecimento suficiente da língua portuguesa.

REQUISITO #2

Em alternativa, deve demonstrar que pertence a uma comunidade sefardita de origem portuguesa. O seu apelido é importante e Portugal mantém uma lista de apelidos sefarditas. É necessário demonstrar uma ligação efectiva e duradoura a Portugal, o que pode ser feito através da aquisição de uma propriedade em Portugal, de um historial de viagens prolongadas a Portugal, de familiares que ainda vivam em Portugal, da compra de acções de uma empresa portuguesa, ou algo semelhante.

REQUISITO #3

A terceira opção está aberta aos cidadãos das ex-colónias portuguesas. Entre estes contam-se Goa, na Índia, Angola, em África, e Macau, na Ásia.

Falar com um especialista global

A equipa da Latitude tem especialistas globais em mais de 20 países. Podemos aconselhar em 14 idiomas. Deixe-nos ajudá-lo a encontrar a solução perfeita para a migração de investimentos.

A equipa da Latitude tem especialistas globais em mais de 20 países. Podemos aconselhar em 14 idiomas. Deixe-nos ajudá-lo a encontrar a solução perfeita para a migração de investimentos.

Processo de aplicação

  • Mês 1

    Processo de integração de clientes

    Enviar-lhe-emos o nosso formulário de registo genealógico específico para Portugal. Em função das suas respostas, poderemos avaliar imediatamente a sua elegibilidade.

    Ao receber o acordo assinado e o pagamento de retenção, a nossa equipa jurídica preencherá todos os formulários governamentais e documentos de apoio necessários. Contactaremos o consulado ou a embaixada portuguesa local em seu nome.

  • Meses 1-2

    Análise e apresentação de candidaturas

    Antes de apresentar os seus documentos, analisamos exaustivamente a sua candidatura para garantir que o seu dossier cumpre os requisitos de cidadania. A nossa equipa jurídica completará as suas verificações finais antes de submeter os formulários relevantes.

    O consulado ou a embaixada portuguesa mais próxima de si efectuará as suas próprias diligências e analisará toda a documentação. Continuaremos a trabalhar em estreita colaboração com eles durante todo o processo para assegurar que a sua candidatura seja processada atempada e eficientemente.

  • Meses 12-24

    Certificado de cidadania emitido

    O consulado e a embaixada locais avaliarão o seu processo e, aquando da apresentação do pedido, terá de pagar as taxas governamentais aplicáveis. Em seguida, providenciaremos o envio de todos os certificados de cidadania relevantes. De seguida, podemos ajudá-lo a requerer um passaporte português.

Perguntas Mais Frequentes

Terá de reunir vários registos vitais para recriar a sua árvore genealógica e estabelecer uma reivindicação legal. Depois de elaborar este dossier de cidadania, terá de o legalizar, traduzir e apresentar ao governo português.

Sim, os brasileiros que tenham pelo menos um ascendente ou descendente português podem requerer a cidadania por descendência ao abrigo das regras normais e não das regras da antiga colónia.

Depois de apresentar o seu pedido, pode demorar cerca de dois anos até que os adultos sejam processados e lhe seja concedida a cidadania portuguesa.

Sim, Portugal permite a dupla nacionalidade.

Situado na Península Ibérica, Portugal goza de temperaturas amenas durante todo o ano. Sendo uma nação costeira com uma rica história de navegação marítima, Portugal é conhecido pelo seu delicioso marisco. O seu ambiente descontraído, a sua cultura vibrante e a sua baixa taxa de criminalidade fazem dela um destino europeu privilegiado para turistas e expatriados.

Os benefícios incluem:

– Liberdade de circulação em toda a União Europeia (UE) e possibilidade de viver, trabalhar e estudar em qualquer parte da UE ou nos países da Associação Europeia de Comércio Livre (EFTA) (Islândia, Noruega, Suíça e Liechtenstein)

– Acesso a cuidados de saúde, educação e veículos de investimento a preços acessíveis apenas para cidadãos europeus

– Não há tributação com base na nacionalidade – a menos que viva e trabalhe fisicamente no país, não está sujeito ao imposto sobre o rendimento português

– A cidadania portuguesa por descendência, uma vez adquirida, pode ser transmitida aos filhos e cônjuges.

– Economia vibrante – com estabilidade política e baixas taxas de desemprego.

Os nossos escritórios globais

img-map